Por: Paulo Chagas | 11/01/2018

No planejamento de investimentos previstos pela Secretaria Municipal de Águas e Saneamento (Semasa) estão previstas diversas obras que devem melhorar o sistema de abastecimento de água em Lages. Por isso, nesta semana foi lançado o Edital de Concorrência Pública nº 01/2017 destinado a contratação de empresa de engenharia especializada para elaboração de projeto executivo, fornecimento e implantação de quatro reservatórios metálicos cilíndricos de água. A licitação, do tipo Menor Preço Global, está programada para o dia 30 de janeiro, às 9 horas.

O edital especifica que o valor global máximo estimado para estes serviços será de R$ R$ 6.237.623,47. “Esta será uma importante obra de infraestrutura no sistema de estocagem de água em Lages. Após a conclusão dos serviços e o pleno funcionamento destes reservatórios iremos garantir pelo menos mais 8 milhões de litros de água”, diz o secretário municipal da Semasa, Jurandi Agustini.

Atualmente o município conta com 20 reservatórios espalhados pela cidade. Estes quatro novos estarão localizados em pontos estratégicos: bairro São Pedro: Rua Professor Simplício, na Cidade Alta: Rua Vivandério Santos Vale, bairro Restinga Seca: na Rua Jaci Guidali e no Morro do Posto: Rua Professor Simplício.

O planejamento de investimentos da Semasa, no período de quatro anos é de R$ 58 milhões. São obras e serviços que irão melhorar o sistema de abastecimento de água e esgotamento sanitário da cidade.

 

Consumo consciente

Lages não tem problemas de água na etapa de captação, pois o lençol é suficiente. O consumo com desperdício sim é preocupante, por ser anormal neste período do ano. Nesta época é comum as famílias encherem suas piscinas para divertimento e se refrescarem nos dias de muito calor.

A orientação da Semasa é para que as pessoas tentem utilizar menos volumes de água potável e mantenham a água purificada com pastilhas de cloro, bem como diminuam o número de lavações de automóveis e calçadas e tentem reduzir o tempo de banho. Uma campanha publicitária está sendo veiculada e tem como objetivo a conscientização do consumo consciente entre os meses de janeiro e fevereiro.

Foto: Toninho Vieira