Geral

Aeroporto Regional na pauta de reunião do Fórum das Entidades

O Aeroporto Regional do Planalto Serrano, em Correia Pinto foi pauta da última reunião de 2018 do Fórum das Entidades realizada nesta terça-feira, 04/12, na ACIL, e que contou com a presença do diretor de Transportes da Secretaria de Infraestrutura, José Carlos Muller Filho, e da superintendente da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), Marcia da Silva Santos que repassaram informações sobre o andamento das obras e homologação do aeroporto. Também estavam presentes o coordenador da Comissão Pró Voo, Anderson de Souza; o coordenador regional do Partido Social Liberal (PSL), Airton Amaral; o presidente do PSL em Lages, Fernando Sommariva; e o vice presidente Ronaldo Cordeiro.

O diretor de transportes informou que o aeroporto está em fase de homologação no Segundo Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta II), em seguida, passará para homologação na Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). “A principio o aeroporto irá operar de forma visual, após 4 a 6 meses, deverá receber autorização para operar por instrumentos”, explicou. A superintendente da Infraero salientou que isso não será problema para fechar contrato com empresas aéreas, “com a homologação para voos visuais, é mais fácil encontrar uma empresa disposta a disponibilizar voos para o aeroporto. Leva cerca de seis meses até que a companhia finalize seu plano de voo e obtenha autorização para operar”.

De acordo com Muller, são dois os entraves para que o aeroporto de Correia Pinto entre em operação e que necessita do apoio das entidades: o trevo de acesso na BR 116 que, segundo a concessionária que administra a rodovia, há uma divergência no traçado; e a movimentação de terras ao lado da pista para voo instrumental.

Outro assunto que preocupa as lideranças é o contrato com a Infraero que vence em janeiro de 2019 e se não for renovado irá paralisar todo o processo novamente. Segundo o coordenador regional do PSL, ele já formalizou um pedido ao Governador eleito Carlos Moisés da Silva para que renove este contrato com a Infraero.

Quanto as outras demandas, o Fórum das Entidades irá fazer os encaminhamentos necessários no sentido de tentar resolver estas questões. 

Atenciosamente,

Related Posts

  1. Claudio Lemes Louzada says:

    O que é aeroporto regional? Na china e nos países desenvolvidos, aeroporto regional tem, entre outras tantas facilidades, pista de 2.500 x 45m em cimento Portland, porque só aeródromos são construídos de asfalto, onde a primeira manutenção asfáltica é em 4 anos e as de cimento Portland com 21 anos de uso. É um aeroporto projetado para receber o Airbus A320-NEO e o Boeing B737-MAX de 170 lugares. Os outros aeroportos Chineses têm pistas de 3.500 x 60m, e eles constroem e inauguram 4 desses aeroportos de categoria internacional a cada ano.
    Depois de anos e milhões gastos, a pista construída em Correia Pinto é de apenas 1.600 metros de comprimento (1.600 x 45m), ou seja, lamentavelmente só 70 metros maior que a da cidade de Lages.
    Em pleno século 21, também é inadmissível que um aeroporto como Correia Pinto seja inaugurado sem operação de voo por instrumento, ou com o rádio farol não direcional NDB, tecnologia desenvolvida em 1923 e infelizmente instalado em Correia Pinto ao custo de 1 milhão de reais, para servir de balizador ao voo por instrumento quando inaugurado. Dificilmente uma empresa aérea iniciará os voos em Correia Pinto operando somente voo visual ou com o equipamento NDB, também banido da moderna aviação. Melhor permanecer no aeroporto de Lages.
    Não precisa ser meteorologista para conhecer as restrições impostas por baixa visibilidade e teto na região, fatalmente afetarão os voos do aeroporto. Atualmente, o mínimo requisitado para o voo por instrumento é o GPS como no aeroporto de Lages, onde operam aeronaves turboélices de 70 lugares.
    Aeroporto sem voo por instrumento GPS ou de precisão ILS, não é aeroporto. É só mais um aeródromo com pouca ou nenhuma infraestrutura aeroportuária, ineficaz a aviação de linha regular.
    Saudações,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *